Pandora filmes terá seis filmes exibidos no festival do Rio

Filme DEUS É MULHER E SEU NOME É PETÚNIA
Nesta segunda-feira, 9 de dezembro, começa a 21ª edição do Festival do Rio e a Pandora Filmes estará com longas em diversas mostras do festival. CASA, de Letícia Simões, será apresentado na Première Brasil: Novos Rumos. Já MACABRO, de Marcos Prado, estará na Première Brasil: Competição longa ficção.
Candidato italiano a uma vaga no Oscar de Filme Internacional, O TRAIDOR, de Marco Bellocchio, será apresentado fora de competição na Mostra Mostra Hors Concours Ficção e SEGUNDO TEMPO, de Rubens Rewald, que estreia nos cinemas brasileiros durante o Festival do Rio, está na Prèmiere Brasil: Novos Rumos Hors Concours.

DEUS É MULHER, SEU NOME É PETÚNIA, longa da Macedônia dirigido por Teona Strugar Mitevska, que estreia em circuito comercial em 26 de dezembro, será exibido no Panorama do Cinema Mundial. E na Première Latina será apresentada a coprodução México, Brasil, França POETAS DO CÉU, de Emilio Maille.

Abaixo mais informações sobre os filmes exibidos durante o Festival do Rio:

CASA, de Letícia Simões
Brasil, 94min, 2019
Documentário
Produção: Carnaval Filmes
Sinopse: Letícia, a filha recém-separada, se culpa por ter se distanciado da mãe em dez anos longe de casa; Heliana, a mãe, está encarando uma séria crise depressiva que começou depois da decisão de colocar a sua mãe, Carmelita, num asilo de idosos. Na construção dos espaços de afeto entre essas mulheres, CASA questiona o que é sanidade, o que é memória, o que é o feminino, o que é a solidão, o que é família, o que é casa.
Distribuição: Pandora Filmes
Fotos: https://www.dropbox.com/sh/tg8rgyjifs6ws2w/AAA8xLnznYT1jjFA–cSZU2fa?dl=0
Previsão de estreia: segundo semestre de 2020
Vencedor do Festival de Vitória 2019.
Prêmio da Crítica no 8o Olhar de Cinema de Curitiba.

DEUS É MULHER E SEU NOME É PETÚNIA, de Teona Strugar Mitevska.
Macedônia, 100min, 2019.
Drama
Elenco: Zorica Nusheva, Labina Mitevska, Simeon Moni Damevki.
Sinopse: Exibido na competição oficial do Festival de Berlim de 2019, o filme, vindo da Macedônia, é dirigido por Teona Strugar Mitevska. Quando uma mulher tenta se infiltrar em uma cerimônia tradicionalmente masculina, ela acaba provocando um grande tumulto.
Distribuição: Pandora Filmes
Fotos: https://www.dropbox.com/sh/3y1re60ooa0073f/AACR85OFwpFqO-nBNiuuK8Iva?dl=0
Estreia em 26 de dezembro de 2019
Competição Oficial de Berlim

MACABRO, de Marcos Prado
Brasil, 97 min, 2019
Ficção
Produção: Zazen Produções e Querosene Filmes
Elenco: Renato Goés, Amanda Grimaldi, Guilherme Ferraz, Flavio Bauraqui, Laila Garin
Sinopse: Baseado na história real dos “Lobisomens de Friburgo”, dois jovens irmãos que nos anos 90 foram acusados de brutais assassinatos na Serra dos Órgãos. O thriller de suspense segue o sargento Teo em sua busca pelos suspeitos escondidos na Mata Atlântica. Enquanto a população, a imprensa e a polícia local condenam os irmãos, Teo percebe que um deles pode ser inocente. Diante da possibilidade de reencontrar seu passado, Téo deixa sua história pessoal se misturar ao trabalho e enfrenta dilemas que afetam sua vida e a continuidade da investigação.
Distribuição: Pandora Filmes
Previsão de estreia: segundo semestre de 2020
Fotos: https://www.dropbox.com/sh/6bm9nhezoq32sfb/AADFyyoX4Bnw1ZDDkXYzPvSTa?dl=0

O TRAIDOR, de Marco Bellocchio
Il Traditore
Brasil, Itália, França, Alemanha, 145 min., 2019
Ficção
Produção: IBC Movie, Kavac Film, Rai Cinema, Gullane, Match Farctory Productions e AD Vitam
Elenco: Pierfrancesco Favino, Maria Fernanda Candido
Sinopse: Tommaso Buscetta, mafioso que se exilou no Brasil se afastando da máfia no começo da expansão do tráfico de heroína, é preso e mandado de volta para a Itália. Durante o processo que se segue, ele, sentindo que a máfia abandonou os princípios sobre os quais foi fundada, faz um acordo com o estado para depor contra seus ex-colegas. Vamos aos poucos conhecendo as amizades e inimizades que trouxeram a situação até este ponto, enquanto Tommaso revê aqueles com quem um dia se associou.
Distribuição: Fênix Filmes e Pandora Filmes
Previsão de estreia: primeiro semestre de 2020
Fotos: https://www.dropbox.com/sh/m86el33jk68zx0e/AABkAWTZYyZNtdCZn3qi4DnJa?dl=0
Competição Oficial de Cannes

POETAS DO CÉU, de Emilio Maille
Poetas del Cielo
México, Brasil, França, 102min, 2018
Documentário
Produção: Querosene Filmes, El Caiman, Itaca Films e La Femme Endormie
Sinopse: Através de uma viagem pelo mundo da pirotecnia, Poetas do Céu nos mostra os criadores mais relevantes dessa arte em seu processo criativo e emotivo, retrata a paixão e a emoção que reúnem esses artistas, enquanto descobrimos alguns dos principais festivais ligados a essa arte. O filme nos transporta inconscientemente a uma reflexão sobre a vida, aquela onde o céu se assemelha a uma tela de cinema e onde os fogos de artifício se convertem em suas imagens. Depois, tudo desaparece, mas permanece na memória.
Distribuição: Pandora Filmes
Previsão de estreia: primeiro semestre de 2020
Fotos: https://www.dropbox.com/sh/4czy30l49o5etyn/AAACOVY2lkCaXV-mYGS0XTOla?dl=0

SEGUNDO TEMPO, de Rubens Rewald
Brasil, 2019
Ficção
Produção: Miração Filmes & Confeitaria de Cinema
Sinopse: Ana e Carl, dois jovens irmãos que nunca se deram bem, estão em busca de respostas, depois de sofrerem uma grande perda familiar.
Os dois tentam encontrar, no Brasil e na Alemanha, seus próprios caminhos e identidades, atravessando a História de sua família e do século XX.
Distribuição: Pandora Filmes
Previsão de estreia: segundo semestre de 2020

SOBRE A PANDORA FILMES
A Pandora é uma distribuidora de filmes independentes que há 30 anos busca ampliar os horizontes da distribuição de filmes no Brasil revelando nomes outrora desconhecidos no país, como Krzysztof Kieślowski, Theo Angelopoulos e Wong Kar-Wai, e relançando clássicos memoráveis em cópias restauradas, de diretores como Federico Fellini, Ingmar Bergman e Billy Wilder. Sempre acompanhando as novas tendências do cinema mundial, os lançamentos recentes incluem “The Square – A Arte da Discórdia”, de Ruben Östlund, vencedor da Palma de Ouro em Cannes, e “O Apartamento”, de Asghar Farhadi, vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Paralelamente aos filmes internacionais, a Pandora atua com o cinema brasileiro, lançando obras de diretores renomados e também de novos talentos, como Gustavo Steinberg, Ruy Guerra, Edgard Navarro, Sérgio Bianchi, Roberto Moreira, Beto Brant, Fernando Meirelles, Helena Ignez, Tata Amaral, Anna Muylaert, Petra Costa e Gabriela Amaral Almeida. Entre os próximos lançamentos, destacam-se “Greta”, de Armando Praça; “O Traidor”, de Marco Bellocchio, coprodução nacional, que concorreu à Palma de Ouro em Cannes; e “O Caso Morel” de Suzana Amaral.

Em 2019, a distribuidora criou o projeto Caixa de Pandora que visa programar filmes premiados, escolhidos através de uma cuidadosa curadoria para serem exibidos em salas comerciais da rede Cinépolis, em 20 cidades do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial