Bolsonaro diz que Moro barganhou cargo no STF por Valeixo

O presidente Jair Bolsonaro disse que Sergio Moro concordou com a exoneração do Diretor Geral da Polícia Federal Maurício Valeixo caso ganhasse uma indicação para o STF. “O senhor pode tirar o Valeixo, sim, mas em novembro, depois que me indicar para o Supremo Tribunal Federal”, afirmou o mandatário.
Sobre a demissão de Valeixo, Bolsonaro comentou ainda sobre a suposta alegação de interferência política que teria impulsionado a demissão de Moro do cargo do Ministério da Justiça. “Falava-se em interferência minha na Polícia Federal. Oras, se eu posso trocar um ministro, por que não posso trocar um diretor da Polícia Federal”, questionou. “A PF de Sergio Moro mais se preocupou com Marielle do que com seu chefe supremo”, atacou Bolsonaro, lembrando novamente do atentado que sofreu. “Quem mandou matar Jair Bolsonaro?”, perguntou.
Sergio Moro anunciou a sua demissão na manhã desta sexta-feira, 24, após afirmar que o presidente interferiu politicamente na na troca de cargo da Polícia Federal. Bolsonaro, por sua vez, disse que Moro mentiu e que o ex-ministro “tem compromisso com o próprio ego”.
Foto: CLÁUDIO REIS/FRAMEPHOTO / Estadão Conteúdo
Terra

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial