Imagens de barcos de luxo voltam a sugerir presença de líder norte-coreano em casa de verão

Imagens de satélite que mostram uma movimentação de barcos de luxo usados com frequência pelo líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, e seu séquito perto de Wonsan dão novos indícios de que ele está na estância litorânea, de acordo com especialistas que monitoram o regime recluso.
As especulações sobre a saúde e a localização de Kim começaram depois de sua ausência inédita das comemorações de 15 de abril, aniversário de seu avô e fundador do país, Kim Il-sung.
Na terça-feira, o site de monitoramento NK PRO relatou que imagens de satélites comerciais mostraram que barcos usados frequentemente por Kim realizaram movimentos em padrões que levam a crer que ele ou seu séquito pode estar na área de Wonsan.
O relato veio após uma reportagem da semana passada de um projeto de monitoramento sediado nos Estados Unidos, o 38 North, que disse que imagens de satélite revelaram o que se acredita ser o trem pessoal de Kim estacionado em uma estação reservada para seu uso na casa de verão de Wonsan.
Autoridades da Coreia do Sul e dos EUA disseram ser plausível que Kim esteja no local, possivelmente para evitar se expor ao novo coronavírus, e expressaram ceticismo com as reportagens segundo a qual ele tem alguma doença grave.
Elas alertam, porém, que a saúde e a localização de Kim são segredos guardados a sete chaves e que é difícil obter informações confiáveis na Coreia do Norte.
A última vez em que a mídia oficial da nação sigilosa noticiou o paradeiro de seu líder foi quando ele presidiu uma reunião em 11 de abril, mas tem havido reportagens quase diárias noticiando suas cartas e mensagens diplomáticas.
Foto: Fantástico
G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial