Corpo do deputado estadual Genival Matias é enterrado no cemitério de Juazeirinho

Foi enterrado na manhã desta terça-feira (21) no cemitério da cidade de Juazeirinho, o deputado Genival Matias, morto no domingo (19) após sofrer um AVC enquanto andava de moto aquática em Pernambuco. O corpo do deputado foi velado no ginásio da Escola Cidadã Integral Técnica Marechal Almeida Barreto, na cidade, foi celebrado uma missa de corpo presente e depois seguiu em cortejo até o cemitério municipal da cidade da família do deputado.
Antes do velório no ginásio público de Juazeirinho, o corpo de Genival Matias também foi velado na Assembleia Legislativa da Paraíba. No velório realizado em Juazeirinho, os primeiros 30 minutos foram reservados à família de Genival Matias e só depois aberto ao público. Protocolos de segurança exigiam aferição de temperatura e distanciamento na fila para entrar no ginásio onde ocorreu o velório.
O parlamentar morreu neste domingo (19) ao sofrer um mal súbito enquanto andava de moto aquática na Praia de Serrambi, em Ipojuca, no Litoral Sul de Pernambuco. Um laudo médico posterior confirmou que o mal súbito foi causado por um Acidente Vascular Cerebral.
O primeiro velório do corpo do deputado estadual Genival Matias (Avante) começou na casa Epitácio Pessoa na madrugada desta segunda-feira (20), por volta das 4h e foi até as 10h. A primeira hora de velório foi reservada só para a família e logo em seguida o local foi aberto para o público, que contou com a presença de diversas autoridades, inclusive o governador João Azevêdo (Cidadania).
Às 10h, o caixão saiu em cortejo até o veículo funerário, que vai conduzir o corpo até a cidade de Juazeirinho, sua terra Natal, para ser velado no ginásio da Escola Cidadã Integral Técnica Marechal Almeida Barreto.
Apesar da aglomeração no velório, a Assembleia Legislativa informou que está seguindo todos os protocolos sanitários de prevenção à Covid-19, com a disponibilização de álcool em gel, tapetes sanitizantes e aferição de temperatura. Também só poderá permanecer no local os familiares do deputado.

Luto na classe política
A Assembleia Legislativa da Paraíba e políticos paraibanos lamentaram a morte do deputado estadual Genival Matias, que aconteceu neste domingo (19). O governador da Paraíba, João Azevêdo, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, e os senadores da república da Paraíba, Daniella Ribeiro e Veneziano Vital do Rêgo também externaram pesar pela morte do deputado estadual.

Acidente
A prefeitura da cidade de Ipojuca, em Pernambuco, informou que o político morreu por volta das 10h30 do domingo. Ele completou 53 anos exatamente um mês antes da morte, no dia 19 de junho. De acordo com Osvaldo Morais, secretário de Defesa Social de Ipojuca, informou ao G1, o deputado chegou a ser levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, mas já chegou sem vida.

Genival Matias
Genival Matias nasceu em João Pessoa, na Paraíba. Na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), ele ocupava o cargo de vice-presidente. Ele foi eleito deputado estadual pela primeira vez em 2010, reeleito em 2014 e estava no terceiro mandato.
Além de membro da Mesa Diretora, Genival Matias compunha a Comissão de Direitos das Pessoas com Deficiência.
Empresário do ramo da mineração e da construção civil, Matias herdou a política de seu pai, o juiz federal Genival Matias, que foi vice-prefeito de Juazeirinho, no Seridó paraibano. O parlamentar também era presidente estadual do partido Avante. Ele deixa esposa e seis filhos.
Foto: Artur Lira/TV Paraíba
G1 PB

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial