ALPB lamenta falecimento da desembargadora Maria das Neves do Egito

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino (PSB), em nome de todos os deputados e servidores da Casa, vem a público lamentar o falecimento da desembargadora Maria das Neves do Egito, conhecida como Nevita. Ela morreu nesta quarta-feira (22), aos 73 anos, em decorrência de complicações renais.
A desembargadora estava internada em um hospital de João Pessoa, desde a última quinta-feira (16), mas não resistiu e faleceu. “Solidarizo-me com os familiares e amigos da desembargadora Maria das Neves do Egito. Uma grande mulher, que realizou um excelente trabalho para a Justiça na Paraíba. Em nome de todos os parlamentares e servidores da Casa Epitácio Pessoa, lamentamos o seu falecimento. Que Deus a receba em sua morada eterna”, disse Adriano Galdino.
Maria das Neves do Egito foi a segunda desembargadora a tomar assento no Tribunal de Justiça da Paraíba, e também a primeira magistrada convocada para integrar o Tribunal Pleno do TJPB, em substituição ao desembargador Rivando Bezerra Cavalcanti, o que ocorreu no ano de 2000.
Ela foi professora de Prática Forense II na Faculdade de Direito da UFPB, Campus I, João Pessoa, e integrante do Conselho Estadual do Sistema Penitenciário. Inspetora do Trabalho – DASP; Promotora de Justiça do Estado de Pernambuco; e Professora de Direito Comercial da UFPB (1º lugar). Natural de Macaparana em Pernambuco, Maria das Neve fixou residência há muitos anos na Paraíba, mais exatamente em João Pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial