“Redução de acidentes é o meu maior legado”, diz Félix Neto ao deixar o comando da STTP

O advogado e professor Félix Araújo Neto concluiu a sua gestão à frente da STTP com todos os compromissos financeiros, administrativos e patrimoniais em dia, além de, no último dia 31, ainda entregar mais uma motocicleta, que foi incorporada à frota de 26 motos, 7 viaturas de fiscalização e operação no trânsito, 8 bicicletas, 2 caminhões de sinalização, caldeira para recuperação de faixa de pedestre entre outros importantes equipamentos.
O gestor destacou que deixa a casa organizada para a próxima gestão e que seu maior legado dos cinco anos à frente do órgão foi o da redução de acidentes, resultado de um conjunto de ações como sinalização, educação e fiscalização bem planejadas, que reduziu de 4500 acidentes no ano de 2014 para um registro de 2200 em 2020, numa significativa redução mesmo com o aumento do número de veículos circulando no município.
Mas, ao final de sua gestão Félix lamentou não ter conseguido construir e entregar a nova sede do órgão para melhorar o atendimento ao público. “e que esse era um sonho não só meu, mas de todos os servidores do órgão, de ter um espaço para atender com dignidade a população, além de se construir espaço para a fábrica de semáforos e a central integrada de monitoramento e tecnologia”, disse.
O prefeito Romero Rodrigues, o superintendente Félix Neto (STTP) e o secretário Geraldo Nobre (Serviços Urbanos e Meio-Ambiente – Sesuma) lançaram na manhã da quinta-feira, 30, a pedra fundamental do terreno onde será construída a nova sede administrativa e de operações da STTP.
Localizado no bairro Dinamérica, o terreno fica ao lado do Ginásio de Esportes “O Meninão”, por trás do novo Hospital da Criança e do Adolescente e a sua construção será mais um importante espaço para servir à população, e os recursos para a obra são próprios, no valor R$ 1.100.000.00, que já se encontram disponibilizados na conta bancaria da autarquia de trânsito, além de R$ 800 mil para aquisição dos equipamentos necessários.
De acordo com o superintendente Felix Neto, a nova sede será construída em um terreno com 20 mil m² de área, doado pelo prefeito Romero Rodrigues. A obra será erguida pelo futuro superintendente da STTP e pelo novo prefeito, Bruno Cunha Lima. Portanto, Félix deixou garantido o terreno e o recurso.
Discorrendo ainda sobre os resultados de sua gestão, Felix destacou avanços no órgão quando conseguiu implementar uma fábrica de semáforos, num trabalho que está sendo desenvolvido com a inteligência dos agentes de trânsito e colaboradores das universidades, produzindo economia de aproximadamente 60% para os cofres públicos.
Ainda como grandes conquistas da STTP durante a gestão do prefeito Romero Rodrigues (PSD) Félix citou medidas internas de moralidade, a implantação de tecnologias aplicadas ao transporte público, lombadas eletrônicas colocadas em locais estratégicos, medidas técnicas que reduziram acidentes, o novo sistema operacional da Zona Azul com licitação já homologada, e a implantação de 104 quilômetros de ciclofaixa, saindo dos 7km em 2015, mudando a cultura e plantando a semente como ganho de alternativa de deslocamentos na cidade.
Findando a sua gestão à frente da Superintendência de Trânsito e Transportes de Campina Grande (STTP), Félix Neto deixa uma marca de serviços como a implantação ou recuperação de mais de 1500 faixas de pedestres, mais de 6000 placas de regulamentação de trânsito, 133mil m² de sinalização horizontal (pinturas de vias), implantação da central de monitoramento, além da aquisição de novas viaturas, carros – motos, um caminhão para pinturas e outro para serviços de sinalização semafórica, além de inúmeras aquisições de EPIs.
Outro marco da gestão foi o investimento em cursos de capacitação e formação de agentes de trânsito e colaboradores administrativos para melhor atender a população, valorizando prestação de serviço qualificado e humanizado.
Foi na gestão de Félix Neto que Campina Grande também se tornou cidade destaque nacional, sendo três vezes campeã de campanhas do movimento Maio Amarelo, além de fazer parte das decisões e do debate nacional do trânsito e do transporte através da vice-presidência do Fórum Nacional de Dirigentes e Secretários de Trânsito e de Mobilidade, de representação no FOCOTRAN – Fórum de Conselheiros de Trânsito, e de integrar e colaborar com a Câmara Tematica de Esforço Legal, Manual Cicloviário e GT para elaboração do novo manual do Código de Trânsito Brasileiro.
Ao deixar o cargo de superintendente da STTP, Félix Neto também falou sobre as dificuldades do transporte público na cidade, destacando a queda no número de passageiros de ônibus devido a pandemia do Coronavírus, considerando ainda que o novo prefeito Bruno Cunha Lima (PSD) terá grandes desafios dentro do setor de transporte, que nos últimos meses passou de 106 mil passageiros para 14 mil, e agora se sustenta com 52 mil usuários/dia. “.. enquanto não tiver uma política pública nacional efetiva para fazer com que esse transporte público se modernize, a gente continuará sofrendo com esses impactos. Por isso plantamos a semente das ciclovias. Temos hoje 104 quilômetros. É uma alternativa para que a locomoção não seja feita preferencialmente por carro ou moto – disse.
De qualquer sorte, a gestão de Romero conseguiu grandes avanços em matéria de mobilidade, especialmente ao implantar os corredores de ônibus na Floriano Peixoto e avenida Canal, além de vários binários, asfaltamento e, destacadamente, a Alça Leste e a elaboração do plano de mobilidade urbana.
Em suas redes sociais, Félix Neto agradeceu a todos que colaboraram e o ajudaram a obter esses resultados, em especial ao ex-prefeito Romero Rodrigues: “Concluindo um ciclo! A palavra é de gratidão ao grande líder e querido amigo, em especial pela confiança e pela amizade ao longo dos 5 anos de trabalho na STTP. E buscando honrar sua confiança, dediquei o meu melhor, com todo empenho, a uma incrível jornada de aprendizado, de conquistas e de resultados extraordinários para a cidade. E conseguimos, sob sua liderança, reduzir os números de acidentados, sequelados e mortos no trânsito de Campina Grande! E não há nada mais sublime do que ajudar a salvar vidas. Sua liderança motivou um time inteiro a colaborar em busca de grandes resultados…” agradeceu.
A partir de 04 de janeiro o advogado Felix Neto, atendendo a uma convocação do novo prefeito da cidade, Bruno Cunha Lima, e estará com a missão de gerir os destinos e as ações da secretaria de Planejamento do município.

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial